Golpe de Vista

Taborda voou alto na estreia. Coelho e Rateira empataram


O Sp. da Covilhã foi um dos grandes vencedores da ronda inaugural da Segunda Liga. Pedro Taborda capitaneou os serranos – Xeca entrou aos 66′- no triunfo por 1-0 no estádio do D.Aves. O gigante Mailó (56′) fez o único golo da partida. Abel Xavier ainda lançou Zé Valente (75′) numa tentativa de evitar a segunda derrota consecutiva, depois da goleada na Taça da Liga, mas não foi feliz.

O Freamunde também viu voar os três pontos na visita ao Atlético. Um erro do guarda redes Marco, já no período de compensação  resultou no único golo do jogo. Luis Pedro, Barbosa e Pedrinho jogaram os noventa minutos do encontro.

Para esquecer foi a estreia caseira da Oliveirense. Micael Babo foi titular na pesada derrota por 3-0, com o Oriental. Os lisboetas marcaram por Tom (20′) e Hugo Firmino (53′) adquirindo uma vantagem confortável. Micael Babo (54′) saiu de seguida, e seria de fora que iria assistir a novo golo forasteiro, por intermédio de Fernando, a cinco minutos do final do encontro.

Em Penafiel o nulo foi resultado entre a equipa da casa e o Leixões. Júlio Coelho foi titular nos durienses e pertenceu-lhe a defesa da tarde. Do outro lado, Rateira, que esteve na origem do lance mais perigoso dos matosinhenses saiu esgotado aos 79′ minutos.

O Gil Vicente também não fez melhor que o Penafiel. Cadu foi titular nos galos que viram o triunfo fugir entre os dedos.Paulinho (16′) deu vantagem aos nortenhos, mas o Mafra, campeão do Campeonato Nacional de Seniores, empatou perto do fim, de grande penalidade, por Laurindo (88′).

Empate também em Chaves, mas com golos. A formação flaviense viu-se a perder logo aos 3′ minutos, quando Piqueti deu vantagem ao Sp Braga B, que tinha Monteiro no onze inicial, ao lado de Artur Jorge. Com Arnold no banco até aos 66′, o Chaves deu a volta ao resultado em apenas sete minutos, com golos de Barry (12′) e João Reis (19′). O jogo só acalmou após novo golo arsenalista, de Simãozinho (27′). Tudo isto em apenas meia hora !

Também o Farense teve uma estreia aziaga. Em Viseu, o Académico ficou com os três pontos resultantes do golo de Bura (63′).Christian liderou o ataque algarvio durante os noventa minutos, mas ficou em branco.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Prémio GdV – Finalistas

Nomeados finais para o Prémio GOLPE De VISTA 2017/2018