Golpe de Vista

Huguinho à capitão

Uma das funções do capitão de equipa é unir as tropas e dar o exemplo. Pois bem, no jogo da Taça de Portugal, o defesa esquerdo do Gondomar, puxou da braçadeira e foi lá à frente abrir caminho ao apuramento. Estavam decorridos 33 minutos quando Huguinho desfez a resistência da equipa do Mêda, que seria goleada por 7-0. Curiosamente o ex Freamunde seria “ajudado” na missão de marcar por outros dois jogadores que passaram, de forma fugaz é certo, pela equipa azul e branca.

Niang bisou aos 55′ e 64′,e

Claudio Silva

Claudio Silva, que tal como Niang passou em Freamunde na temporada de 2017/18 saltou do banco para também ele apontar dois golos.

Image courtesy of josmartins2

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *