Golpe de Vista

Orlando pendura as chuteiras mas mantém-se em campo


Orlando passa de jogador a treinador do São Martinho 

Aos 37 anos, o defesa Rui Orlando decidiu pôr um ponto final na sua carreira de futebolista. O atleta natural de Figueiró pendura as chuteiras depois de ter passado por clubes como Fafe, Moreirense, Freamunde, Académica, Felgueiras, Leixões e o São Martinho, emblema ao qual chegou em 2015.

Orlando deixa o futebol enquanto jogador, mas inicia agora um novo percurso, desta feita como treinador principal. A oportunidade surgiu após a saída de Carlos Cunha para o Vizela, tendo a direção do São Martinho convidado o atleta para assumir a equipa de Santo Tirso.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Prémio GdV – Dezembro

Nomeados prémio Golpe de Vista – Dezembro 2017